sexta-feira, 29 de abril de 2011

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Garrafas com flores

Idéia simples e barata para dar um charme ao ambiente. Eu gosto muito.































Revista Casa e Jardim

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Paredes

Parece papel de parede, mas é um mosaico de pastilhas de vidro reciclado


Garrafas usadas se transformam em pastilhas de vidro para revestir as paredes de casa com estilo e sustentabilidade

Por Casa e Jardim Online
Na decoração, no paisagismo, na arquitetura e no design não dá para ignorar o assunto que está mais em alta nos últimos tempos: a sustentabilidade. Ao mesmo tempo, ninguém quer abrir mão da estética. Mas quem disse que uma coisa está separada da outra? O desafio é justamente desenvolver produtos que atendam a essas duas necessidades, decorando os ambientes com beleza, sem prejudicar o planeta. A complicada tarefa foi realizada com sucesso pela empresa italiana Trend in Green com a linha Wallpaper Collection. O revestimento parece papel de parede, mas, na verdade, é uma estampa montada com pastilhas de vidro. Oitenta por cento do material que compõe as peças é proveniente de garrafas de vidro recicladas que, em vez de irem para o lixo, são reaproveitadas, com estilo. Por enquanto, as pastilhas não estão disponíveis para venda no Brasil.




Parede de açúcar


A sustentabilidade está em alta em todos os setores na atualidade e, na decoração, não poderia ser diferente. Aproveitando a onda dos produtos ecológicos, a empresa norte-americana WallArt lançou estes painéis com relevos, feitos com o bagaço da cana-de-açúcar. Por isso, além de terem um lindo efeito estético, as peças são 100% recicladas e biodegradáveis.













quarta-feira, 6 de abril de 2011

Acabamento perfeito

Não basta escolher um revestimento de qualidade; é preciso dar atenção ao rejunte e eleger o material correto para ligar as peças e destacá-las
Produto de qualidade pede acabamento de primeira. Assim, não adianta investir nos revestimentos e deixar o rejunte de lado. A massa feita para preencher os espaços entre as peças é de grande importância para um resultado final satisfatório.


A primeira consideração a ser feita diz respeito ao tipo de revestimento em que o rejunte será aplicado, assim como o ambiente. Os feitos à base de cimento são indicados para cerâmicas, ladrilhos e pedras em geral. “Como esse tipo é muito absorvente, ele precisa ser impermeabilizado após a aplicação para não ficar manchado ou encardido”, explica Rogério Cordeiro, diretor de design da Vidrotil. Já os rejuntes epóxi são recomendados para ambientes constantemente úmidos. “A aplicação é mais difícil e requer a contratação de um instalador qualificado e experiente”, afirma o profissional.


1-O rejuntamento branco da Pastifix confere destaque aos tons de verde da placa de pastilhas da H&T e às pastilhas coloridas da Portobello.
2 -Com a placa feita de pastilhas de vidro e coco (40 x 40 cm), o ideal é usar rejunte claro. O revestimento é da Ville Rose
3 -Da Casa Nova, o rejunte bege fica bem com acabamentos de coloração em tons de terra.
4 -A cor do rejunte deve ser escolhida de acordo com o tom da peça. A Fortaleza oferece o produto nas cores camurça e marrom. A pá de pedreiro número 7 é da Tramontina.
5 -Cada material pede um tipo de argamassa. A linha Fixoblok, da Weber.tec, e a Super Glass, da Portokoll são ideais para blocos de vidro
As argamassas, que têm a dupla função de assentar e rejuntar, são a escolha certa para a colocação de pastilhas em geral. Nesse caso, por ser um revestimento mais delicado, a mão de obra especializada também é primordial. Atualmente as empresas oferecem o produto já em diversas tonalidades, o que antes só era possível a partir do tingimento do rejunte branco com pó xadrez ou da própria pintura, que possibilitava obter um toque colorido. A prática, no entanto, segundo a coordenadora de qualidade da Cerâmica Lanzi Fabiana Silva, não é a ideal. “A tinta pode descascar facilmente, principalmente em local exposto a umidade”, diz.
1-O rejunte marrom terra, da Fortaleza, vai bem com o ladrilho hidráulico com decoração imperial
2 -As peças da Solarium, com placas que vão de 50 x 50 cm até 1 x 1 m, são vendidas nas cores tijolo, moka e ash.
3 -Para quem deseja incrementar o revestimento, a linha de rejuntes cimentícios da Rejuntabrás apresenta grande variedade de cores.
4 -Ladrilho hidráulico 20 x 20 cm, da Ville Rose (acima), R$ 8,00 a peça. Mini desempenadeira de aço, R$ 19,90, e bloco de espuma branca
Além de oferecerem uma grande variedade de cores, alguns fabricantes ainda apresentam a possibilidade de personalização do material: o cliente pode escolher uma cor específica, que combine com o revestimento e também com a área onde ele será executado. O mais importante, contudo, é sempre contar com mão de obra especializada e prestar atenção às recomendações de cada material, especialmente as que se referem ao tempo de secagem. “A escolha do rejunte errado e a mão de obra sem qualificação são os maiores problemas que comprometem o aspecto do revestimento”, afirma Cordeiro.


1-Antigamente, era comum utilizar o rejunte branco. Hoje em dia, os fabricantes oferecem grande variedade de cores.
2 -As cerâmicas Lepri nos tons paglia, vermelho e chocolate ficam bem quando combinadas com rejuntes em tons de terra.
3 -Para imprimir ares mais rústicos, rejunte marrom café, da Quartzolit,
4 -No catálogo da Fortaleza, entre outras tonalidades, estão presentes o azul-cobalto e o ocre.
5 -Tozzetos 7 x 7 cm, em diversas padronagens. Zapt troca ou renova a cor de rejuntes antigos e vem pronto para ser utilizado..
6-Espaçadores ajudam na hora de aplicar o rejunte. Para o acabamento ficar perfeito, mão de obra especializada é essencial. O azulejo cerâmico 15 x 15 cm com tozeto 0,5 x 0,5 cm são da H&T..
-O rejuntamento epóxi Quartzolit é totalmente impermeável e resistente a manchas.

1-Os rejuntes acrílicos oferecem uma maior resistência a manchas. Da Fortaleza
2 -Revestimentos em cores fortes, como os da Recesa, pedem atenção especial ao rejunte. Vale até encomendar uma cor específica ao fabricante.
3 -Flexível, o rejunte verde da Fortaleza pode ser utilizado em fachadas e áreas que ficam expostas ao tempo.
4 -Em ambientes que têm contato direto com água, o ideal é usar o rejunte epóxi. As peças de porcelanato e cerâmica são da Portinari.
5 -Bloco de espuma amarela; martelo de borracha,
Fonte: Casa e Construção
Texto: Juliana Farano / Fotos: Natalie Jorge